O ex-presidente Lula participará na sexta-feira do Podpah, um videocast transmitido ao vivo pelo Youtube para 4,02 milhões de assinantes e considerado o maior podcast do Brasil. No início de setembro, Lula já havia sido recebido pelo rapper Mano Brown em seu podcast Mano a Mano.

Não é só como convidados que políticos têm ganhado a podosfera. Políticos tradicionais vêm lançando podcasts próprios como canal de comunicação. Em setembro, o ex-senador e pré-candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT) lançou o #CiroGames, uma live semanal no Youtube em que recebe figuras da política e da cultura e que é depois republicado como podcast em plataformas.


É importante porque…
  • Mostra uma tentativa de políticos de ocupar esse formato de comunicação, que vem ganhando tração entre brasileiros
  • É um formato relativamente mais informal do que os usualmente ocupados por políticos

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Pandemia, tem o 'Podcast do Senador Renan' publicado em seu site. Assim como Renan, o ex-senador e cacique do MDB Romero Jucá também tem o Minuto Roraima, mini-podcasts publicados semanalmente em seu site.

Partidos também têm podcasts próprios. É o caso do NovoCast, do Partido Novo, que já está na 45ª edição. O Partido dos Trabalhadores também tinha um podcast, mas ele não é atualizado desde fevereiro de 2020.

Mas não são todos que decolam. O deputado federal Rodrigo Maia (Sem partido-RJ) tinha o programa semanal Resenha com Rodrigo para falar dos eventos de cada semana na Câmara. Mas a última atualização do podcast foi há dois anos, antes mesmo da presidência de Maia na Câmara acabar.

Texto Laís Martins
Edição Sérgio Spagnuolo

Leia também...