Uma rápida pesquisa feita no Instagram pela #sorteionutri mostra mais de 200 posts de nutricionistas promovendo diversos tipos de sorteios, entre eles o de consulta gratuita.

Essa prática, porém, é proibida pelo Código de Ética e Conduta dos Nutricionistas, que veda "ao nutricionista utilizar o valor de seus honorários, promoções e sorteios de procedimentos ou serviços como forma de publicidade e propaganda para si ou para seu local de trabalho".

As regras para participar dos sorteios oferecidos são basicamente as mesmas: o interessado deve seguir o perfil do profissional na plataforma, curtir a foto do sorteio e marcar dois ou mais amigos nos comentários. No perfil @topwayfit, que comercializa suplementos e tem 10 mil seguidores, em um post de maio -- último com esse tipo de conteúdo -- a marca chegou a sortear 3 meses de consulta com nutricionista parceira da marca.

Bússola dos direitos e deveres da profissão, o Código foi publicado pelo Conselho Federal dos Nutricionistas pela primeira vez em 1981 e passou a incluir diretrizes para o uso de redes sociais por nutricionistas em 2014. A última atualização foi em 2018.

Segundo Selma de Britto, nutricionista e coordenadora técnica do setor de Ética do Conselho Regional de Nutricionistas 3ª Região (SP e MS), a proibição, prevista no art. 57 do Código, "tem como objetivo não submeter seu conhecimento técnico científico a ações que venham a desvalorizar sua atuação como profissional promotor de saúde". Caso o Conselho receba uma denúncia, a pena pode variar de uma advertência à proibição do exercício profissional.

Leia na íntegra a resposta do Conselho


É importante porque...

  • Como todo profissional de saúde, o nutricionista tem uma conduta ética a ser seguida. O desrespeito desse código deve funcionar como um alerta para clientes.

Leia também...